Com o local de trabalho mudando rapidamente, é hora de repensar a segurança e produtividade das empresas

O mundo girou. Muito mais pessoas estão trabalhando fora do escritório e, principalmente, em casa. O trabalho realmente não é mais um lugar para onde você vai, mas uma coisa que você faz.

Isso está exigindo um repensar radical dos modelos operacionais, especialmente a questão de como permitir que os funcionários sejam produtivos e tenham acesso seguro a sistemas e dados críticos, onde quer que estejam. Resumindo, a TI está na berlinda para entregar trabalho remoto, produtivo e seguro.

As equipes de TI precisam repensar suas tecnologias e abordagens para a segurança do terminal e na sua integração com a rede corporativa das empresas visando garantir a produtividade

Na maioria das organizações, não há mais um perímetro a ser protegido, em vez disso, cada dispositivo se torna um perímetro em si mesmo. Um grande desafio na integração entre rede corporativa, equipamentos endpoint e a produtividade dos funcionários.

Não é incomum que as empresas tenham dezenas de produtos pontuais de vários fornecedores diferentes, sem gerenciamento, controle ou integração central.

Este modelo legado de perseguir cada nova ameaça com uma nova solução pontual não funciona mais nesta era de hackers altamente sofisticados, uma força de trabalho amplamente distribuída, um perímetro inexistente e uma superfície de ataque que está crescendo exponencialmente.

Em vez de tornar as organizações e os usuários mais seguros, essa abordagem complexa à segurança do endpoint e da rede corporativa pode às vezes aumentar o risco.

Muitas organizações voltadas para o futuro têm se afastado desse modelo nos últimos anos. Mas isso é apenas a ponta do iceberg. Com a mudança abrupta para trabalhar em casa, educação online e quase tudo remoto, a transformação para um modelo de plataforma baseado em nuvem para segurança de endpoint está prestes a acelerar a uma velocidade vertiginosa.

Um modelo moderno para segurança de endpoint e da rede corporativa

Além das inadequações dos modelos de segurança de endpoint legados, existem fatores positivos vitais que impulsionam a corrida para abordagens abrangentes de segurança que podem tornar as organizações mais seguras e produtivas contra todos os tipos de ameaças, externas e internas.

Os principais motivadores da segurança de endpoint e da rede corporativa de próxima geração são:

Entrega, escala e suporte na nuvem

Entregar, gerenciar, disseminar e dimensionar a segurança da nuvem é um modelo superior em quase todos os níveis. É mais rápido, menos caro, mais fácil de gerenciar e mais amigável.

A TI pode atualizar facilmente patches e proteções em todos os dispositivos e otimizar a aplicação de políticas. A nuvem fornece uma maneira simples para as equipes de TI e segurança responderem em tempo real, aproveitando a detecção avançada de ameaças, aprendizado de máquina, análises, automação e inteligência artificial (IA) e aumento de produtividade.

A nuvem acelera a inovação de segurança para endpoints, dando controle centralizado de TI para fornecer novas soluções e atualizações para todos os usuários ao mesmo tempo para lidar com um ambiente de ameaças em rápida mudança com velocidade, agilidade e inteligência, mesmo quando necessário a integração com uma rede corporativa local.

Simplicidade de gestão

Finalmente, é hora de as equipes de TI e segurança simplificarem suas vidas e usarem seu tempo de forma mais produtiva. O gerenciamento de uma miríade de soluções pontuais requer diferentes painéis, treinamento em vários produtos e falta de controle centralizado para gerenciamento, monitoramento e alertas.

À medida que mais aplicativos essenciais aos negócios migram para a nuvem, essa complexidade se torna paralisante. O que você deseja e o que os modelos de nuvem e plataforma permitem é uma forma de controlar tudo a partir de um ambiente centralizado.

Isso é ainda mais crítico no local de trabalho de hoje, onde o pessoal de TI tem mais probabilidade de trabalhar remotamente e precisa gerenciar, atualizar, organizar e orquestrar a segurança de qualquer lugar, o tempo todo.

A equipe de TI deve ser capaz de implantar, gerenciar e aplicar políticas remotamente, como autenticação multifator. Eles precisam simplificar o uso de abordagens que são cada vez mais importantes – como confiança zero – para proteger a identidade do usuário e dados corporativos críticos.

Dispositivos de endpoint modernos

A segurança não termina na nuvem. Se os usuários de endpoint estiverem usando dispositivos antigos da empresa ou BYOD, eles podem estar expondo a si próprios e à sua organização, através de sua rede corporativa, a riscos que podem ser evitados com o upgrade para dispositivos endpoint modernos.

O segredo é fornecer aos usuários dispositivos intrinsecamente mais seguros – com proteções de segurança modernas que começam no firmware e se estendem até a nuvem.

Segurança em toda a arquitetura tecnológica

Mesmo as empresas mais seguras podem ser invadidas. Da mesma forma, mesmo os hackers mais talentosos e engenhosos podem ser derrotados. A maneira de fazer isso é colocar obstáculos em cada etapa do processo de negócio.

A abordagem ideal é ter camadas de segurança projetadas para funcionar em conjunto. Isso evita o desafio existente de muitas soluções pontuais díspares. Ele também permite que a TI se concentre nas áreas onde a intervenção humana é necessária, para que possam maximizar os recursos de pessoal enquanto usam firmware, automação, aprendizado de máquina e IA em áreas onde as máquinas são mais eficazes.

O momento é agora

As ameaças à segurança estão mais prevalentes e sofisticadas do que nunca e as organizações estão cada vez mais vulneráveis ​​porque muito mais usuários estão trabalhando remotamente e em casa.

A mudança para a segurança baseada na nuvem e na plataforma é inevitável devido aos muitos benefícios que oferece à organização, incluindo custos mais baixos, maior proteção e implementações mais simples.

Com uma estratégia de segurança completa, empresas de qualquer tamanho podem alcançar um alto nível de proteção, tanto contra invasores sofisticados quanto contra erros do usuário e garantia produtividade das equipes.

Não vale a pena esperar e assumir riscos adicionais. Grande parte das tecnologias estão disponíveis agora e podem ser implementadas rapidamente. Quando se trata de segurança e produtividade, o futuro é agora.

A Conversys pode ajudar sua empresa a reduzir os riscos e impactos dessa crise global. Entre em contato agora mesmo com os nossos especialistas e conheça as soluções de segurança, gerenciamento de redes e conectividade da Aruba Networks. Estamos à disposição para ajudar a vencer esse desafio.

Sobre a Conversys

A Conversys IT Solutions é uma provedora de serviços e soluções de Tecnologia da Informação e Comunicação com atuação em todo o Brasil.

Com uma equipe técnica e comercial altamente qualificada e uma rede de parceiros que incluem os principais fabricantes globais de tecnologia, a Conversys IT Solutions está apta a entregar aos clientes soluções customizadas de Infraestrutura de TI e Telecom.

Investimos em nossos colaboradores e parceiros e primamos por uma relação duradoura com os nossos clientes, pois acreditamos que desta forma conquistamos competências e conhecimentos necessários para inovar e gerar valor aos negócios em que atuamos.

Sobre a Aruba

A ARUBA, uma companhia da Hewlett Parkard Enterprise, está redefinindo a rede inteligente, com soluções de mobilidade e IoT para as organizações de todos os portes globalmente.

Oferecendo soluções de TI que capacitam as organizações a atender à Geração Móvel – usuários habilidosos em mobilidade que dependem de aplicativos baseados na nuvem para todos os aspectos de seu trabalho e vidas pessoais – e para dominar o poder dos insights, para transformar os processos de negócios. Com os serviços de infraestrutura oferecidos como software da nuvem privada ou pública, a Aruba oferece conectividade segura para mobilidade e IoT permitindo que os profissionais de TI criem redes que acompanham no ritmo das mudanças.