As mudanças no padrão de tráfego de rede refletem o impacto do COVID-19

A atual crise de pandemia de coronavírus vai alterar os padrões de tráfego de rede e deve acelerar as tendências referente a sistemas sem fio, móveis e baseados em nuvem. De fato, já vimos um aumento no acesso remoto e no tráfego principal da Internet, além de uma redução maciça no tráfego local, já que a maioria da força de trabalho está em casa.

A dependência do trabalho em casa enfatiza a exigência de serviço de banda larga confiável e seguro e potencialmente impulsiona o crescimento da tecnologia sem fio 4G / 5G como o link primário ou secundário para os trabalhadores remotos. 

A necessidade de operações automatizadas de rede se tornou uma prioridade, à medida que as organizações de TI expandem seus recursos para manter operações ininterruptas de redes de datacenter e comunicações WAN.

Menos funcionários em tempo integral no escritório

A grande experiência de trabalho em casa está provando que a maioria dos funcionários pode ser altamente produtiva sem estar fisicamente no escritório. 

A tendência atual mostra que o trabalho em casa deve se tornar permanente para uma certa porcentagem da força de trabalho. Cenário considerado ideal quando se considera fatores como tempo de deslocamento, situação familiar ou tipo de trabalho, como por exemplo, para call centers remotos. 

Outra grande porcentagem de trabalhadores continuará trabalhando em um escritório, mas deve optar por trabalhar um ou dois dias por semana em casa para concluir projetos com tempo limitado ou ajustar-se ao equilíbrio entre vida pessoal e profissional.

A migração para o trabalho remoto provavelmente triplicará o número de dias em que os funcionários trabalham em casa. Também diminuirá significativamente a quantidade de tráfego ou reduzirá o crescimento do tráfego na rede local. Isso deve levar as equipes de operações de TI e de rede a considerar adiar possíveis atualizações para as redes internas da empresa.

Por outro lado, temos o crescimento no núcleo da Internet

Fontes da indústria já indicam que o tráfego principal da Internet cresceu aproximadamente 25% durante 2020. A resiliência das arquiteturas da Internet e das telecomunicações, que valorizam a confiabilidade, incluindo o provisionamento de capacidade, foi amplamente capaz de lidar com esse aumento de tráfego. 

Com o tempo, os provedores de serviços de Internet continuarão aumentando a capacidade de roteamento de fibra e núcleo para ficar à frente das demandas, como o enorme crescimento do vídeo. Isso pode incentivar os provedores a avaliar novos projetos convergentes de óptica e roteamento de software.

A migração acelerada de aplicativos para a nuvem

Por consequência do crescimento do uso da Internet e do trabalho remoto, os desafios das empresas consistem na atualização e da criação de novos aplicativos na nuvem privada, hospedada no data center de uma organização e o direcionando de mais investimentos para SaaS e aplicativos públicos baseados em nuvem. 

A longo prazo, isso continuará a reduzir a necessidade de atualizar redes internas de data center. No curto prazo, os provedores de serviços estão atualizando rapidamente os recursos de trânsito da Internet para a nuvem para acelerar o acesso remoto a aplicativos baseados na nuvem.

As mudanças de requisitos no padrão de tráfego de rede

A capacidade de oferecer suporte a muitos funcionários distribuídos que precisam acessar com segurança aplicativos e dados críticos agora é uma prioridade para a maioria das empresas e de seus setores de TI. 

No curto prazo, a TI está atualizando as ferramentas que possui, como VPNs, para lidar com esse aumento. Com o tempo, os times de tecnologia devem avaliar novas ferramentas para integrar o acesso remoto à sua arquitetura abrangente de rede e segurança. 

As opções possíveis incluem dispositivos multifuncionais com Wi-Fi, segurança, WAN (SD-WAN) definida por software, roteamento e 4G / 5G opcional. Esses dispositivos estão sendo introduzidos por fornecedores de Wi-Fi, segurança de rede e SD-WAN, especialmente para implantações amplas.

Além de reduzir a quantidade de tráfego na rede local, os novos requisitos de espaço de trabalho do escritório afetarão a rede. Por exemplo, as organizações terão mais funcionários chegando a escritórios temporários e mudanças devido à necessidade de espalhar ambientes de trabalho restritos. 

Com o tempo, a rede local se tornará centrada em dispositivos móveis e Wi-Fi, com a necessidade de ser ágil em termos de número de conexões e possíveis surtos de tráfego com eventos específicos que trazem todos os funcionários para o escritório.

Planeje flexibilidade, agilidade e automação aos novos padrões de rede

A situação do COVID-19 destaca os requisitos para a TI fornecer uma rede confiável, segura e de alto desempenho. Também mostra que os padrões de tráfego de rede podem mudar significativamente devido a condições comerciais e sociais.

É provável ainda que os eventos de 2020 altere de forma permanente o ambiente de rede corporativo, com investimentos necessários em conectividade remota e uma mudança contínua de aplicativos na nuvem. Flexibilidade, agilidade e automação devem ser os principais fatores no planejamento da rede a longo prazo.

A Conversys pode ajudar sua empresa a reduzir os riscos e impactos dessa crise global. Entre em contato agora mesmo com os nossos especialistas e conheça as soluções de segurança, gerenciamento de redes e conectividade da Aruba Networks. Estamos à disposição para ajudar a vencer esse desafio.

Sobre a Conversys

A Conversys IT Solutions é uma provedora de serviços e soluções de Tecnologia da Informação e Comunicação com atuação em todo o Brasil. 

Com uma equipe técnica e comercial altamente qualificada e uma rede de parceiros que incluem os principais fabricantes globais de tecnologia, a Conversys IT Solutions está apta a entregar aos clientes soluções customizadas de Infraestrutura de TI e Telecom. 

Investimos em nossos colaboradores e parceiros e primamos por uma relação duradoura com os nossos clientes, pois acreditamos que desta forma conquistamos competências e conhecimentos necessários para inovar e gerar valor aos negócios em que atuamos.

Sobre a Aruba

A ARUBA, uma companhia da Hewlett Parkard Enterprise, está redefinindo a rede inteligente, com soluções de mobilidade e IoT para as organizações de todos os portes globalmente.

Oferecendo soluções de TI que capacitam as organizações a atender à Geração Móvel – usuários habilidosos em mobilidade que dependem de aplicativos baseados na nuvem para todos os aspectos de seu trabalho e vidas pessoais – e para dominar o poder dos insights, para transformar os processos de negócios. Com os serviços de infraestrutura oferecidos como software da nuvem privada ou pública, a Aruba oferece conectividade segura para mobilidade e IoT permitindo que os profissionais de TI criem redes que acompanham no ritmo das mudanças.